sábado, 23 de março de 2019

Avança acordo com proprietários rurais para construção de estrada na Serra de Santana

Autoridades dos municípios de Cerro Corá e Lagoa Nova acompanharam audiência publica na Serra de Sant'Ana

As questões que ainda impediam o início da reconstrução da RN-087, estrada que liga Cerro-Cortá a Lagoa Nova, estão agora mais próximas de serem resolvidas. Após um debate coletivo que aconteceu hoje (23) em Cerro-Corá, capitaneado pelo secretário estadual de Gestão de Projetos, Fernando Mineiro, proprietários de terra afetados pela área de segurança da estrada aceitaram afastar suas cercas. Quinze pessoas assinaram hoje o termo de compromisso e o restante será procurado ao longo da semana para fazê-lo.

A comunidade compareceu em peso ao encontro, que aconteceu na Escola Municipal Manoel Belmino dos Santos, no Assentamento Santa Clara. O proprietário Francisco Santos, um dos afetados pela área de segurança da estrada, firmou o compromisso de afastar suas cercas.

“Essa estrada é importantíssima para a região porque através dela iremos escoar a produção da agricultura familiar. Essa obra está chegando na hora certa, a serra está se desenvolvendo e eu como proprietário afetado estou cedendo minha parte. A gente cede um pouquinho, mas ganha muito porque a estrada vai valorizar tudo ao redor”, diz.

O secretário Mineiro considerou o debate muito positivo e crucial para resolver as questões que impedem o início da obra desde o ano passado. “Estamos fazendo este movimento para que não haja judicialização da questão. A obra deveria estar terminando, mas sequer foi iniciada. Por determinação da governadora é prioridade absoluta destravá-la.

E isso está sendo feito pela forma transparente e participativa que caracteriza o governo da professora Fátima. Saímos da audiência muito animados e otimistas de que iremos resolver os entraves e iniciar a obra. Encontramos uma comunidade muito receptiva, parceira e convencida da importância da estrada. Toda a região será valorizada e agora é somente uma questão de dias para zerar tudo e começarmos a construção”, pontuou.

Para o diretor da escola que sediou a audiência, Marcelino Neto, toda a comunidade escolar ganha com a reconstrução da estrada. “Essa via construída vai melhorar o acesso dos alunos e de todos que trabalham na escola. Muitas vezes perdem aula porque o ônibus quebra, quando chove alaga tudo, então vai ser uma obra que lá na ponta vai impactar para melhor no aprendizado dos nossos estudantes”, registra.

A audiência também foi marcada pela representatividade. Participaram a prefeita de Cerro-Corá, Graça Oliveira (PSD) e seu vice Zeca Araújo (PSB), prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos (MDB),  os padres José Mario (Lagoa Nova) e Cláudio Dantas (Cerro-Corá), o representante do Incra Mário Moacir de Almeida, equipe de engenharia do DER, além de representantes dos sindicatos dos trabalhadores rurais, associações comunitárias, os presidentes das Câmaras Municipais, vereadores e secretários dos dois municípios.

A obra de R$ 8,7 milhões é um investimento do Governo do Estado, via projeto Governo Cidadão e DER, e foi licitada em agosto de 2018, tendo como vencedora a empresa CLC LTDA. O projeto contempla a estruturação, revestimento asfáltico, drenagem e sinalização numa extensão de 14,84 km. Entretanto, nada pôde ser iniciado devido a três entraves: propriedades que avançaram sobre a área de segurança da estrada, que somaram 107 no total; uma pequena parte de terreno pertencente ao Incra estava no traçado da via; e uma propriedade também se encontrava no percurso.

Durante a audiência pública o representante do Incra, Mário Moacir, oficializou a doação da parte da terra para que a estrada possa passar. Sobre a propriedade que também se encontra na área, já foi iniciada a discussão para que seja feita a doação.

Ao término do encontro, 15 proprietários assinaram o termo de compromisso para afastar as cercas e o restante será procurado pelas secretarias municipais de Ação Social de Lagoa Nova e Cerro-Corá para que assinem nos próximos dias. Mineiro ainda esclareceu que as novas cercas serão colocadas pela empresa vencedora da licitação.

Fonte - Ascom/GE

"Maninho"retira blog da web para voltar repaginado no Wordpress

Radialista "Maninho" repagina blog pra voltar à net com novidades
Com oito anos de atuação na internet, o radialista Francisco "Maninho" Oliveira anuncia a retirada a partir da noite deste sábado (23), momentânea, do seu blog "O Comunicador" da web, que será repaginado e volta, brevemente, em outra plataforma. 
O blog editado no Blogspot.com de propriedade do Google será migrado e editado no Wordpress um software de código aberto, que já é usado por 33% dos sites de informações e notícias on line em todo o mundo.
Radialista com uma carreira de 15 anos na rádio comunitária Liberdade, a 104 FM,que tem como fundador o sindicalista e ex-vereador Francisco José da Silva, o "Chiquinho do Sindicato", o DJ Maninho já atua em novos projetos com um programa dominical no começo da tarde na rádio Serrana, em Lagoa Nova, a 18 km de Cerro Corá, em que atende os ouvintes levando ao ar músicas tipo "flashback" dos anos 60, 70, 80 e 90. 
No blog repaginado a ideia dele também é postar esse estilo de música "retrô" numa rádio web.

sexta-feira, 22 de março de 2019

Banco Mundial aprova novo traçado da estrada Lagoa Nova-Cerro Corá

Gestor do projeto "Governo Cidadão" que executa obras e outras ações com recursos do Banco Mundial, o ex-deputado Fernando Mineiro participa de audiência pública a partir das 10 horas deste sábado (23),na Serra de Sant'Ana, para debater o projeto de pavimentação da rodovia estadual RN-087, que liga Lagoa Nova a Cerro Corá. Mineiro diz que pelo menos quatro entraves vinham emperrando o início da obra, mas o governo do Estado está trabalhando para superá-los, como foi o caso da implementação de um novo autorizado, "já autorizado pelo Banco Mundial", de forma a desviar de áreas e imóveis privados, "pra não se fazer desapropriações, que demoram muito".

Outro entrave, segundo Fernando Mineiro, era solicitar a liberação do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INcra), para que a estrada passasse por uma área de assentamento rural, "que já conta com parecer favorável e aguarda-se apenas a publicação" por parte da autarquia federal.

A audiência pública da manhã deste dia 23 ocorrerá na Escola Manoel Belmino dos Santos, na comunidade de Pica Pau, onde se situa o assentamento Santa Clara da Serra de Sant'Ana.

Já a demora para o inicio das obras de pavimentação da estrada, motivou uma cobrança nas redes sociais, no meio da semana, pelo padre de Lagoa Nova, José Mário, que criticou o farto de que diversos governo vêm prometendo a realização da obra, inclusive a finalização do trecho entre São Tomé e Cerro Corá.

Padre José Mário disse no Facebook que "entra e sai governo, todos prometem fazer o asfalto desta estrada, mas de fato a população continua sofrendo e a precariedade dos buracos, essa estrada que facilita a fraterna relação entre os dois municipios serranos, tem sido causa de prejuizo aos proprietários de automóveis, motos etc".

O padre José Mário até lembrou que a governadora Fátima Bezerra "teve uma votação expressiva" na região da Serra de Sant'Ana e pediu a ela que olhasse com atenção para essa e outras questões para ios dois municípios, que juntos somam cerca de R$ 26 mil habitantes.

quinta-feira, 21 de março de 2019

Projeto Geoparque do Seridó entra na pauta da AMSO


Professor Marcos Nascimento, da UFRN, expôs projeto do Geoparque para os prefeitos da região do Seridó (foto - cedida)
A Associação dos Municípios do Seridó Oriental (AMSO) começaram a debater o Projeto Geoparque Seridó e a Criação do Consórcio Geoparque, com os prefeitos sendo informados que serão feitos cursos para servidores dos municípios associados. O presidente da AMSO, Sally Araújo (PSD), que é prefeito de Cruzeta, reuniu os prefeitos na quarta-feira (20), ocasião que eles assistiram uma palestra do professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Marcos Nascimento sobre o tema.

“O Geoparque fomenta o turismo na nossa região. Não tenho dúvidas que esta é uma demanda muito importante para o desenvolvimento do Seridó e o Rio Grande do Norte reconhecendo os municípios que compõe o polo e formam hoje o Consórcio Geoparque”, contou Sally.

O professor Marcos Nascimento disse que “o convite de vir ate a Associação foi de suma importância porque conseguimos unir os seis municípios que fazem parte do Geoparque e os demais a favor do bem comum que é o desenvolvimento territorial sustentável, agora na ótica de um consórcio que será o Consórcio do Geoparque Seridó”.

Na Assembleia Legislativa, o deputado Francisco do PT, afirmou que “o conceito de geoparques surgiu nos anos 1990, para conservar e melhorar áreas com importância geológica. O nosso já existe, com 2.800 quilômetros quadrados, e precisa ser efetivado por meio de um consórcio entre os municípios, preservando os seus 16 geossítios”.

Francisco do PT destacou o quanto a UFRN tem colaborado com o Geoparque do Seridó, na pessoa do professor Marcos Nascimento, assim como o Sebrae e a Secretaria de Estado do Turismo. Dentre os geossítios, estão a Mina Brejuí, o Monte do Galo, o Canyon dos Apertados e os açudes Gargalheiras e Boqueirão.

segunda-feira, 18 de março de 2019

Lagoa Nova incluída no teste piloto do IBGE para o Censo de 2020

O municipio de Lagoa Nova entrou no teste piloto que o IBGE faz desde o dia 20 de fevereiro o IBGE para o Censo 2020 em todo o país. A rotina das visitas domiciliares e da coleta de informações está sendo replicada, passo a passo, para verificar o funcionamento dos dispositivos móveis de coleta (os smartphones com os questionários digitais) e testar diversos processos de trabalho. 

No Rio Grande do Norte, os testes para a coleta domiciliar começaram no dia 11 de março e são realizados em Tibau do Sul, João Câmara e Lagoa Nova. Os veículos de comunicação interessados poderão acompanhar os testes piloto do Censo 2020 nesses municípios no período de 18 a 31 de março. 

O Censo 2020 contará com questionários especiais para as pessoas residentes em áreas de Povos e Comunidades Tradicionais. Nesse sentido, no Rio Grande do Norte, haverá os testes piloto em comunidade indígena, localizada em João Câmara, e quilombola, em Lagoa Nova.


Na primeira etapa dos testes, foi realizada a Pesquisa Territorial do Entorno Urbanístico dos Domicílios, que define as principais características das áreas urbanas, bem antes de os recenseadores começarem as visitas domiciliares. 

Nos testes, são verificados os parâmetros e as rotinas deste levantamento de campo, que é feito pelos especialistas em geociências do IBGE.

A Pesquisa do Entorno Urbanístico verifica se os domicílios a serem visitados estão em um aglomerado subnormal (favelas), se as ruas têm calçamento, iluminação pública, coleta de lixo, bueiros, pontos de ônibus, faixas para pedestres, arborização ou, ainda, se as vias de acesso permitem a passagem de veículos. Há esgoto a céu aberto? Há rampas para portadores de deficiência? As calçadas permitem a passagem de cadeirantes?

Para o Censo 2020, além das questões anteriores, também será investigada a existência de piso tátil para deficientes visuais, além de ciclovias e dos elementos de convívio (bancos de praça, quadras de esportes etc.).

O Censo 2020 está previsto para começar em agosto do ano que vem. Nesta operação, cerca de 220 mil recenseadores visitarão mais de 70 milhões de domicílios nos 5.570 municípios de todo o país.

Serão investigados os principais aspectos da vida dos brasileiros, como educação, saneamento básico, religião, deficiências físicas, trabalho, rendimento etc. O orçamento do Censo 2020 e os processos seletivos necessários para a contratação dos recenseadores ainda aguardam autorização do governo federal.

Fonte - IBGE

sexta-feira, 15 de março de 2019

MP vai apurar eventual acúmulo de cargo pelo vice-prefeito Zeca Araújo

Zeca Araújo com o diploma de vice-prefeito, vai explicar eventual acúmulo de cargo ao Ministério Público  
O Ministério Público do Rio Grande do Norte instaurou inquérito para apurar possível acumulação indevida de cargo pelo vice-prefeito de Cerro Corá, José Medeiros de Araújo (PSB), conforme portaria publicada na edição desta sexta-feira (15) do "Diário Oficial do Estado". O inquérito vai tramitar na 2ª promotoria de Justiça de Currais Novos, a cargo do promotor Edgar Jurema de Medeiros a partir de uma notícia de fato, que levou a notificação de Zeca Araújo, que já foi vereador no município, de modo a comparecer às 15h30 do dia 1º de abril, a fim de oferecer explicações ao Ministério Público.

quinta-feira, 14 de março de 2019

Temperatura oscila entre 18º e 30º no fim de semana


A previsão da meteorologia para Cerro Corá neste fim de semana é de clima ameno com sol e aumento de nuvens de manhã e pancadas de chuva à tarde e à noite, segundo o site Climatempo. A temperatura oscila entre 18 graus e 30 graus.

Cerração em Cerro Corá a uma temperatura de 21°


Calçada do bar do Ivonez: uisque a 21 graus no frio de Cerro Corá

A turma "não brinca em serviço pra cortar o frio de 21 graus em Cerro Corá, na calçada do bar do Ivonez (camisa amarela), o radialista João Paulo (boné), Marivaldo (camisa azul), Edmilson (camisa verde) e em pé, Carlos Augusto Canário, o "Fio".

Frio em Cerro Corá "regado" a vinho seco

Carlos Canário ladeado por Chico do Bar, curtindo o "frio" de 21 graus na noite desta quinta-feira (14), na lanchonete de Jorge Lira